O que é linfedema?

O sistema linfático é responsável por muitas ações na homeostase tecidual. Além de ocasionar um edema localizado, a disfunção em um determinado segmento corpóreo gera alterações histológicas teciduais. Com elas, pode acontecer transformação para fibrose, aumento das células de gordura e diminuição da imunidade do local afetado.

Linfedema é uma doença crônica que se manifesta a partir do acúmulo de líquido intersticial e alterações teciduais, ocasionados por uma insuficiência da circulação linfática.

Quando a pessoa possui a doença, ocorre um aumento progressivo do volume do membro, em razão do acúmulo de líquido e proteínas no tecido subcutâneo. Com o tempo, a alteração gradativa gera repercussões funcionais e estéticas, que alteram a qualidade de vida dos portadores

O linfedema propicia infecções bacterianas freqüentes no membro, conhecidas como erisipelas. O processo inflamatório agrava a fibrose tecidual, aumentando o volume e o peso do membro.

Para um tratamento eficaz, é essencial o diagnóstico na fase mais inicial da doença. A orientação adequada pode evitar a progressão do linfedema para as formas avançadas e limitantes.  A consulta com um cirurgião vascular é fundamental para o diagnóstico do linfedema e o acompanhamento do tratamento.

Últimas Notícias

Informe

SOCIEDADE BRASILEIRA DE ANGIOLOGIA E DE CIRURGIA VASCULAR - SBACV RS 
REGIONAL DO RIO GRANDE DO SUL 
Av. Ipiranga 5311 sl. 108 / AMRIGS / CEP: 90610-001
vascular@sociedadesonline.com.br
Copyright © 2016 - SBACV RS - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Dableo Comunicação

Vascular - Regional RS - Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular